Para oferecer-lhe um melhor serviço a Helibras utiliza cookies. Ao continuar acessando o site você está de acordo com essa ação.. Concordo

Introdução

A gama de produtos da Aibus Helicopter é configurável para missões de ataque, variando do H125 de categoria de duas toneladas métricas (antigamente o AS550 C3e Fennec) ao Tiger de trabalho pesado. Se beneficiando da experiência da empresa em integrar sistemas de armas e adaptar o seu rotorcraft aos requisitos do operador, esses helicópteros foram desenvolvidos desde o início como sistemas militares, com redundância e durabilidade para condições de campo de batalha.

Aeronave

Helicópteros leves de motor único
O rotorcraft armado mais capaz na classe de duas toneladas métricas é o H125M de motor único da Airbus Helicopters. Equipado com o motor Arriel 2D da Turbomeca e um sistema de Controle de Motor Digital de Plena Autoridade (FADEC) de canal duplo, o H125M possui uma silueta visual pequena, assinatura de radar reduzida e alta agilidade em manobras de combate.

Ele pode ser equipado com uma metralhadora 12.7-mm instalada, canhão de capsulas 20-mm, mísseis guiados ar-terra e foguetes 70-mm. O armamento montado lateralmente é uma metralhadora 7.62-mm e rifle sniper instalado. O potencial de crescimento está disponível para foguetes guiados e mísseis ar-ar.
 
Helicópteros bimotor leves
NA categoria de três toneladas, o H135M (Turbomeca) bimotor e H135M (Pratt & Whitney Canada) são as versões militares melhoradas do H135 da Airbus Helicopters, com desempenho de alto e quente melhorado, peso de decolagem máximo aumentado, abrangência de voo ampliada e alcance estendido.

Ambos utilizam o rotor principal sem mancal de compósito com as 4 pás reforçadas em fibra da Airbus Helicopter e o rotor de cauda fechado padrão da Fenestron®, que aplia as suas características de voo e aumenta a sobrevivência contra fogo terrestre, enquanto também reduz os níveis de vibração e ruído.
 
Helicópteros pesados
O H225M foi utilizado em serviço de combate em todo o mundo, incluindo missões no Afeganistão, Líbia e Mali. Uma evolução do rotorcraft militar Cougar/Super Puma comprovado da Airbus Helicopters, o H225M é a versão mais recente desse helicóptero de classe 11 toneladas.

O armamento para o H225M inclui duas armas 20mm de cartucho 180 montadas na lateral ou dois lançadores de foguete de 2,75 polegadas de tubo-19, e metralhadoras 7,62 mm nas janelas da cabine dianteira. O sistema de planejamento Sirina permite que as missões sejam preparadas rapidamente e precisamente de acordo com a capacidade de desempenho do helicóptero.
 
Helicópteros especializados
O helicóptero Tiger da Airbus Helicopters é um verdadeiro rotorcraft de ataque multifuncional cujas aplicações de missão incluem patrulha armada, anti-tanque e deveres de suporte e armados. Projetado para operações no campo de batalha digital, o Tiger combina os atributos de baixa detectabilidade com a sua silueta achatada e estreita; baixo perfil de radar e assinaturas infravermelhas; baixa vulnerabilidade através da redundância do sistema; agilidade de voo com o seu sistema de rotor rígido; assim como alta manobrabilidade, agilidade e resistência.

O armamento qualificado inclui a arma montada em torre 30mm 30M781 Nexter, foguetes não-guiados 68mm e 70mm intercambiáveis (com potencial de crescimento para foguetes laser-guiados), assim como mísseis ar-terra e ar-ar.

O Tiger possui combate comprovado durante missões operacionais no Afeganistão, na República da África Central, Somália, Líbia e Mali.
 

Fotos